Prefeitura de BH realiza controle de resíduos e obras em bacias para prevenir enchentes

Bacia de controle de cheias tem a função de evitar que as águas das chuvas escoem diretamente para as redes de microdrenagem locais
Da Redação / Ecológico - redacao@souecologico.com
Saúde e Meio Ambiente
Publicado em: 04/07/2019

A manutenção das bacias e o controle dos resíduos sólidos realizados pela Prefeitura, por meio da Superintendência de Desenvolvimento da Capital (Sudecap), contribuem para evitar o alagamento dos córregos e ainda ajudam a melhorar as condições ambientais das bacias, diminuir os focos do mosquito Aedes aegypti e evitar proliferação de pernilongos. Os serviços são realizados durante todo ano e, em 2019, neste primeiro semestre, essas medidas de prevenção de enchentes receberam investimentos de aproximadamente R$ 2,1 milhões.

Divulgação/Prefeitura de Belo Horizonte
Divulgação/Prefeitura de Belo Horizonte

A bacia de controle de cheias tem a função de evitar que as águas das chuvas escoem diretamente para as redes de microdrenagem locais, sendo direcionadas para as bacias, evitando assim alagamentos e transbordos. Elas podem ser de detenção (tipo seca) ou de retenção, quando há espelho d'água.

Durante as ações de manutenção e controle são feitos serviços de capina e roçada, recomposição de taludes, retirada de resíduos no espelho d’água, desobstrução e recomposição da rede de drenagem superficial. As intervenções também contemplam recuperação de passeios, contenção em gabião no canal das bacias, recomposição de cercas, instalação de placas, reforma do gradil e, nos casos das barragens, o desassoreamento.

Esse trabalho é feito durante o ano todo, conforme explica o superintendente de Desenvolvimento da Capital, Henrique Castilho. “A manutenção preventiva e corretiva dos dispositivos de controle de cheias é essencial para a boa funcionalidade das bacias. Fazer essa manutenção e retirar o acúmulo de lixo e vegetação desses locais são ações de rotina adotadas pela Prefeitura como prevenção para o período chuvoso”, diz.

Até o momento, passaram por manutenção a bacia da avenida Liége (Venda Nova); a bacia de detenção da Vilarinho (Venda Nova); bacias de detenção da Várzea da Palma (Venda Nova); a bacia de detenção Assis das Chagas (Pampulha); a bacia de detenção do Bonsucesso (Barreiro); a bacia de detenção do Córrego Jatobá (Barreiro); bacia de detenção do Cardoso (Leste); a barragem Santa Lúcia (Centro-Sul); a bacia de detenção do Engenho Nogueira (Noroeste); e Lagoa da Pampulha (Pampulha).

Fonte: Prefeitura de Belo Horizonte


Postar comentário