Campanhas conscientizam turistas para evitar danos a praias e recifes

Hábitos corriqueiros podem provocar grande impacto ao meio ambiente
Da Redação - redacao@revistaecologico.com.br
Preservação Ambiental
Publicado em: 21/12/2018

Usar veículos motorizados na praia e enterrar lixo ou bituca de cigarro na areia são algumas das atitudes que provocam danos à natureza ao longo do extenso litoral brasileiro. O impacto tende a crescer com o aumento do movimento de turistas no verão. Por isso, o Ministério do Meio Ambiente (MMA) relançou, nesta semana, duas campanhas para conscientizar os frequentadores.

Com foco na visitação de praias e áreas com recife, as campanhas têm como lema “Leve do ambiente apenas memórias e fotografias”. Para divulgar a mensagem, foram produzidos cartazes, folders e um manual para multiplicadores – que pode ser usado, por exemplo, por guias. Tudo está disponível na página do MMA na internet.

“Caso as pessoas não colaborem e não realizem um turismo de baixo impacto, em breve não teremos mais praias e mares limpos”, alerta a analista ambiental do MMA Paula Moraes Pereira. “A vida marinha será destruída, perderemos a oportunidade de contemplar a natureza, a produção de peixes e alimentos poderá diminuir, a beleza cênica desses ambientes desaparecerá e as pessoas que dependem do turismo para o seu sustento serão prejudicadas economicamente.”

As orientações do que fazer e não fazer são simples. Ninguém precisa abrir mão do lazer ou do convívio com a natureza, basta seguir algumas orientações:

O que não fazer:

● Não compre artesanatos feitos com conchas ou corais mortos. Retirar essas estruturas da natureza prejudica a dinâmica do ambiente;

● Não colete nada. Pedaços de conchas, corais, ouriços e estrelas do mar servem de abrigo e devem permanecer em seu ambiente natural. Leve da praia somente memórias e fotografias;

● Por mais que seja tentador, não leve seu animal de estimação para a praia. As fezes e a urina dos bichinhos podem contaminar a areia e a água, causando danos aos demais usuários;

● Evite pisar nas plantas e utilize os acessos demarcados, para proteger a vegetação de restinga;

● Jamais enterre ou jogue a bituca do cigarro na areia ou no mar! Procure um lixo ou carregue a guimba com você após sair da praia;

● Não transite com veículos motorizados na praia. Observe as regras locais quanto à circulação de veículos;

● Nunca alimente os peixes, pois isso prejudica a saúde dos animais marinhos;

● Não toque nos corais, eles são animais muito frágeis e morrem facilmente. Além disso, você pode se machucar!


O que fazer:

● Escolha protetores solares à prova d’água, para não contaminar a água com produtos químicos prejudiciais ao meio ambiente;

● Contribua com a limpeza das praias. Nunca jogue lixo na areia e no mar! Recolha o seu lixo e deposite-o em local apropriado;

● Respeite os períodos de reprodução de espécies pesqueiras. Não consuma pescados que estejam no período de defeso ou com tamanho inferior ao permitido;

● Contribua com a conservação da fauna marinha. Não mexa nos ninhos de tartarugas identificados na praia;

● Conheça as riquezas dos recifes de corais. Busque informações com condutores e outros profissionais da região;

● Reduza o uso de plástico no seu dia a dia. Lembre-se que plásticos descartados indevidamente vão parar no mar e podem causar a morte de animais marinhos.

(fonte: MMA)


Postar comentário