> Notícias

Centro da UFMG que pesquisa vegetação nativa faz 10 anos


font_add font_delete printer
Criado em 2007, o Centro Especializado em Plantas Aromáticas, Medicinais e Tóxicas (Ceplamt) da UFMG dedica-se a estudos de recuperação e divulgação de informações históricas e técnico-científicas, com publicação de livros, realização de oficinas e outras formas de divulgação em parques e escolas. Foto: UFMG

Criado em 2007, o Centro Especializado em Plantas Aromáticas, Medicinais e Tóxicas (Ceplamt) da UFMG dedica-se a estudos de recuperação e divulgação de informações históricas e técnico-científicas, com publicação de livros, realização de oficinas e outras formas de divulgação em parques e escolas. Foto: UFMG

Programação de evento comemorativo inclui palestra sobre oportunidades e desafios da ciência em Minas

 

28/11/2017

Uma década de pesquisas sobre as plantas úteis nativas do Brasil, especialmente as medicinais, será comemorada no próximo dia 02, em seminário no Museu de História Natural e Jardim Botânico. Criado em 2007, o Centro Especializado em Plantas Aromáticas, Medicinais e Tóxicas (Ceplamt) da UFMG dedica-se a estudos de recuperação e divulgação de informações históricas e técnico-científicas, com publicação de livros, realização de oficinas e outras formas de divulgação em parques e escolas.

Os trabalhos do Ceplamt são conduzidos por grupo de pesquisadores de diferentes áreas e instituições, além de estudantes de graduação e pós-graduação. O Centro tem o objetivo de contribuir para a preservação da vegetação nativa do Brasil e ampliar o seu aproveitamento.

No evento, será anunciada a retomada do Circuito das Plantas Aromáticas e Medicinais, projeto desenvolvido em parceria com a Prefeitura de Belo Horizonte. Além da formação de mesa-redonda que reunirá a primeira diretoria do Centro, a programação inclui a conferência “Oportunidades e Desafios para a Pesquisa em Minas Gerais”, que será proferida pelo professor da UFMG Paulo Sérgio Ladeira Beirão. Interessados em participar da programação, que começa às 9h, devem confirmar presença pelo e-mail contato.dataplamt@gmail.com.

 

Publicações

Em dez anos de atuação, o Ceplamt publicou diversas obras que resgatam informações sobre plantas nativas. Em 1997, lançou a cartilha “Plantas Medicinais”, ilustrada pela equipe do Estúdio Maurício de Souza. O livro “Plantas úteis de Minas Gerais” reúne dados e imagens, históricas e atuais, de 101 plantas medicinais nativas do estado, descritas pelos naturalistas que percorreram o Brasil no século 19.

O Centro também lançou “História das Plantas Úteis e Medicinais do Brasil”, reedição da obra do farmacêutico alemão Theodor Peckolt e de seu filho Gustav, publicada de 1888 a 1914.  O tratado descreve usos tradicionais, localização, características botânicas e resultados de análises químicas, feitas por eles já naquela época, de quase mil plantas nativas do Brasil ou adaptadas.

 

Fonte: UFMG


Compartilhe




Outras Notícias