> Notícias

WWF-Brasil lança filme com alerta: o que será do Grande Sertão sem as veredas?


font_add font_delete printer
João Grilo é um dos personagens do vídeo e lamenta com voz firme e dura como sua comunidade vem sendo impactada pelo desmatamento. Foto: WWF

João Grilo é um dos personagens do vídeo e lamenta com voz firme e dura como sua comunidade vem sendo impactada pelo desmatamento. Foto: WWF

Equipe encontrou desmatamento, queimadas e devastação na região filmada


27/11/2017

Em agosto desse ano, o WWF-Brasil percorreu mais de dois mil quilômetros entre o norte de Minas Gerais e sudoeste da Bahia, registrando histórias de resistência, cooperativismo e a força da cultura do povo sertanejo, eternizado na obra de Guimarães Rosa: “Grande Sertão Veredas”. Mas no lugar dos rios e matas que servem de paisagem para essa história de amor, amizade e companheirismo, a equipe do filme “Grande Sertão” encontrou desmatamento, queimadas e devastação.

No ritmo com que a destruição alavancada pelo agronegócio acontece na região, as veredas estão sendo destruídas – e há risco de faltar água de superfície na região dentro de 20 anos. O futuro aponta para um Grande Sertão, sem as veredas.

Mas que sertão é esse?

Entre chapadas e vales, com uma vegetação que varia entre formações florestais, campestres e savânicas, o Cerrado ocupa ¼ do território nacional, se estende por onze estados mais o Distrito Federal, abriga 5% da biodiversidade do mundo e 30% da biodiversidade brasileira.

Para fazer frente ao desafio de proteger o bioma e as águas de todo o Brasil, o WWF-Brasil investe em comunidades agroextrativistas originais da região. Trabalhando em cooperação, as comunidades tradicionais oferecem uma alternativa sustentável para desenvolvimento da região – além de conseguir ampliar a produção e encontrar novos mercados para seus produtos, alcançando até o mercado internacional.

O resultado dessa jornada está no filme “Grande Sertão”, que será lançado na próxima quarta-feira, na Cervejaria Criolina, a partir de 18h. São vídeos, fotos, textos, ilustrações que relatam as histórias dessa população e as ameaças ao Cerrado Brasileiro.

 

Fonte: WWF


Compartilhe




Outras Notícias