Segunda, 06 de novembro de 2017

Pau-Brasil

No embalo do mês da árvore e da florida primavera, vale a pena conhecer características e curiosidades sobre a espécie que faz do Brasil a única nação do planeta com nome de árvore! Confira:

redacao@revistaecologico.com.br



font_add font_delete printer
O Parque Nacional do Pau-Brasil, localizado em Porto Seguro (BA), acaba de ser aberto ao lazer e ao turismo.

O Parque Nacional do Pau-Brasil, localizado em Porto Seguro (BA), acaba de ser aberto ao lazer e ao turismo.

HISTÓRIA

Em mais de 500 anos desde o descobrimento e dentre todas as madeiras da flora brasileira, o pau-brasil é a de maior importância histórica. Originária da Mata Atlântica e ameaçada de extinção, em razão da intensa exploração sofrida ao longo do tempo, o nome científico da espécie é Caesalpinia echinata Lam. Porém, recentemente os botânicos mudaram para Paubrasilia echinata. O Dia Nacional do Pau-brasil é comemorado em três de maio.

TURISMO

O Parque Nacional do Pau-Brasil, localizado em Porto Seguro (BA), acaba de ser aberto ao lazer e ao turismo. Criado em 1999, o acesso à unidade era até então restrito a grupos de pesquisa. Seu centro de visitantes abriga uma exposição sobre a história do parque, o encontro de civilizações que ocorreu na região, as comunidades locais e a riqueza da biodiversidade na Costa do Descobrimento. Em seus 19 mil hectares, há trilhas, cachoeiras e animais ameaçados de extinção, como a onça-pintada  (Panthera onca).

PAISAGISMO

As sementes, em formato elíptico, têm tom marrom-claro e germinam em cinco dias após a semeadura. Cada fruto produz, em média, cinco sementes. Atualmente, a espécie é usada no paisagismo de parques e praças, onde atinge aproximadamente 12 metros de altura. Suas flores amarelo-ouro, com quatro pétalas amarelas e uma pétala estandarte de cor vermelho-púrpura, têm leve perfume que lembra o de jasmim e formam cachos que desabrocham em setembro/outubro.


VIOLINO

Sua madeira é pesada, resistente e compacta. É também conhecido como ibirapitanga que, em tupi, significa madeira vermelha, devido à presença do pigmento dessa cor em seu caule, sendo usada pela indústria de tinturaria, na construção naval, na marcenaria de luxo e na confecção de arcos de violino.

 

MÚSICA

O pau-brasil também é o centro de um novo alerta contra o desmatamento da Mata Atlântica. A campanha é liderada pelo Instituto Terra – por meio de uma campanha criada pela agência J. Walter Thompson – e tem parceria com o músico alemão Bartholomäus Traubeck. Ele desenvolveu uma tecnologia para extrair música de ranhuras e sulcos de um disco de pau-brasil. Em Sinfonia do Adeus, Traubeck optou por usar o som do piano para traduzir os dados extraídos em uma melodia dramática. Além de chamar atenção para o problema, o projeto pretende mobilizar pessoas e empresas a doarem recursos para as ações de reflorestamento desenvolvidas pelo instituto mineiro, com sede em Aimorés e criado pelo casal Lélia Wanick e Sebastião Salgado.

Clique e ouça a música: www.sinfoniadoadeus.com.br

 

Saiba mais


Colaboração: Shoey Kanashiro, do Instituto de Botânica/Jardim Botânico de SP.

Compartilhe

Comentários

Nenhum comentario cadastrado

Escreva um novo comentário