Segunda, 24 de abril de 2017

Corvos são símbolos de inteligência

Confira cinco curiosidades sobre essa ave

Cristiane Mendonça - redacao@revistaecologico.com.br



font_add font_delete printer

Esqueça a ideia de que os corvos, assim como é mostrado nos filmes de terror e suspense, simbolizam o mau agouro ou provocam medo nas pessoas. Eles são considerados aves com capacidade cognitiva, podendo, inclusive, se relacionar muito bem com seres humanos. Confira, a seguir, algumas curiosidades!

 

Como são

Os corvos pertencem à família Corvidae e habitam as chamadas zonas temperadas dos continentes. Vivem em bandos com uma estrutura hierárquica bem definida, formando, geralmente, casais monogâmicos. Sua alimentação é onívora, ou seja, inclui pequenos invertebrados, sementes e frutos. Alguns se alimentam de carne putrefata, como
os urubus.

 

Capacidade

Segundo o professor da Ruhr-Universität Bochum, na Alemanha, Onur Güntürkün, “os pássaros são tão capazes quantos nós, seres humanos”. Embora não possuam neocórtex – um tipo de capa do cérebro que possui grandes quantidades de neurônios que comandam funções complexas –, algumas espécies possuem capacidades cognitivas comparáveis à dos mamíferos. Entre elas, o pesquisador destaca, as gralhas e... os corvos!

 

Amizade

Em 2015 a amizade entre Gabi Mann, uma menininha americana que vive em Seattle, e alguns corvos ganhou destaque no site da BBC. Ela conta que aos poucos criou o hábito de alimentar as aves que viviam próximas à sua casa. E, conforme fortaleciam a “amizade”, os corvos começaram a trazer para ela pequenos “presentes”. Botões, clipes de papel, brincos, entre outros objetos, que agora fazem parte da coleção dos itens que Gabi guarda com carinho.

Amizade entre pessoas e corvos

A ciência explica!

Mas, se você está pensando que essa situação é apenas a visão romântica de uma garotinha, se enganou! Segundo o professor de Ciências da Vida Selvagem, da Universidade de Washington (EUA), John Marzluff, formar um vínculo com um corvo não é uma tarefa difícil. Basta ser constante nas recompensas que você oferece a eles. Marzluff, e o colega Mark Miller, fizeram um estudo sobre corvos e pessoas. Os cientistas constataram que seres humanos e essas aves “podem ter um relacionamento pessoal, já que entendem os sinais uns dos outros”.

 

Youtube

O canal de vídeo mais famoso da internet está recheado de produções audiovisuais que mostram corvos nas situações mais inusitadas. Em um deles, a ave joga nozes em uma via com intenso trânsito, para que os carros quebrem a casca dura, e assim, eles possam comer a polpa. Em outro, o alimento do corvo é guardado em uma caixa transparente, e a ave consegue utilizar três ferramentas em sucessão para retirar a comida. Uma linha de raciocínio incomum para outras espécies de pássaros!

 

Compartilhe

Comentários

Nenhum comentario cadastrado

Escreva um novo comentário
Outras matérias desta edição