Quarta, 20 de julho de 2016

Gestão integrada e sustentável

Unimed-BH capacita cooperativa de recicladores para uso de software que integra dados financeiros, contábeis e de produção

redacao@revistaecologico.com.br



font_add font_delete printer
Catadoras da Redesol também participaram do treinamento - Imagem: Divulgação/Unimed

Catadoras da Redesol também participaram do treinamento - Imagem: Divulgação/Unimed

O projeto “Cooperativa Sustentável”, desenvolvido pelo Instituto Unimed-BH, responsável pelo “Programa de Responsabilidade Social da Unimed-BH”, deu novos passos ao oferecer capacitação para integrantes de quatro cooperativas de recicladores para uso do software Catafácil. O programa une gestões financeira, contábil e de produção, contribuindo para facilitar o dia a dia dos empreendimentos de recicladores.

Desenvolvido em 2007 por alunos da Universidade Federal de São João del-Rei, em parceria com recicladores de uma cooperativa local, o Catafácil tem interface extremamente amigável com os usuários que, muitas vezes, têm pouco contato com a informática. Além disso, não é um pacote de software fechado, que obriga a cooperativa a modificar seus processos internos para utilização.

“Um dos grandes desafios dos empreendimentos de recicladores na atualidade é o incremento dos processos de gestão, atendendo à demanda do mercado relativa à informatização, prestação de serviços às empresas e prestação de informações à sociedade. Nosso objetivo é colaborar com a promoção da autonomia das cooperativas e potencializar as redes de comercialização”, ressalta a gestora do Instituto Unimed-BH, Cíntia Campos.

As cooperativas participantes do programa integram a Rede Solidária dos Trabalhadores de Materiais Recicláveis (Redesol): Coopersoli, no bairro Jatobá IV; Coomarp Pampulha, nos bairros São Francisco e Leblon; Cocapel (Associrecicle), no Barro Preto; e Coopemar, no bairro Jatobá. Ao todo, 20 catadores serão capacitados até setembro. Em uma primeira etapa, de janeiro a abril, o software foi instalado nos computadores nas sedes das cooperativas.

A ONG Moradia e Cidadania, fundada por funcionários da Caixa Econômica Federal (CEF) é responsável pela capacitação. Segundo Manuel Alejandro Castañeda, representante da ONG, os recicladores estão recebendo muito bem o treinamento e já percebem, no dia a dia, as facilidades geradas. “Antes, as anotações eram feitas em cadernos ou em planilhas. Agora, os dados podem ser inseridos rapidamente e ficam armazenados no Catafácil, o que confere muita agilidade nas atividades do cotidiano. Além disso, o conhecimento adquirido poderá ser compartilhado com outras cooperativas”, explica.

A iniciativa

O projeto “Cooperativa Sustentável” integra o “Programa de Responsabilidade Social Cooperativista” da Unimed-BH, na linha da ação “Meio Ambiente”. Teve início em 2010 e tem possibilitado maior reconhecimento profissional para as 11 cooperativas e associações de recicladores que fazem parte da REDESOL. A iniciativa é desenvolvida em etapas, com foco no fortalecimento da atuação cooperativa e da imagem institucional, contribuindo para o reconhecimento profissional dos recicladores e a geração de renda.

Entre as ações já realizadas estão a criação de identidade visual para reforçar a imagem dos recicladores, aplicada em materiais de comunicação. Houve, também, a produção de uniformes, além de compra de equipamentos de proteção individual (EPIs), promovendo a segurança no processo produtivo.

Fique por dentro:

Instituto Unimed-BH

Uma associação sem fins lucrativos, conta com mais de 4.000 médicos cooperados e foi criado em 2003 com a missão de conduzir o “Programa de Responsabilidade Social Cooperativista” da Unimed-BH. Os projetos desenvolvidos têm na saúde sua área prioritária, mas mantêm interface com outros campos por meio de cinco linhas de ação: Comunidade, Meio Ambiente, Voluntariado, Adoção de Espaços Públicos e Cultura. Em 2015, mais de 1,4 milhão de pessoas foram beneficiadas, direta e indiretamente, pelo Programa Cultural Unimed-BH.

 

 

Compartilhe

Comentários

Nenhum comentario cadastrado

Escreva um novo comentário
Outras matérias desta edição