Quarta, 04 de maio de 2016

A ecologia universal

Confira, a seguir, a segunda parte do especial “O Segredo”, que mostra como o conceito da ecologia da atração mudou a forma de a humanidade se relacionar com o universo ao seu redor

redacao@revistaecologico.com.br



font_add font_delete printer

Suba no primeiro degrau com fé. Você não precisa ver a escadaria inteira, apenas dê o primeiro passo”. Outra coisa sobre a qual as pessoas pensam é em quanto tempo levará para se realizarem os objetivos que elas estão atraindo. Quanto tempo até que se manifeste o veículo novo, o relacionamento, o saneamento das doenças, a paz de espírito etc.? Não há uma regra que diga que irá levar três minutos, três semanas ou 30 dias.

Tamanhos e distâncias nada significam para o Universo. Não há dificuldade em atrair algo que nós achemos que seja grande para Ele. O Universo faz tudo o que faz com zero de esforço. A grama, por exemplo, não faz o mínimo de esforço para crescer. E isso se deve ao seu incrível design. É tudo uma questão do que se passa em sua mente, do que nós definimos como grande ou pequeno. “Isso é grande, vai levar algum tempo. Isso é pequeno, vou conseguir em uma hora”. As regras são definidas por nós mesmos. Não há regras de acordo com o Universo. Você provém os sentimentos de ter o que você quer agora e o Universo (Deus) irá responder. Algumas pessoas têm facilidade com coisas pequenas. Alguns dizem “vou começar com algo pequeno”, uma xícara de café, por exemplo.

Se imagine falando com um velho amigo que você não vê há muito tempo. Mais cedo ou mais tarde alguém irá falar a respeito dessa pessoa com você, essa pessoa irá lhe telefonar, você receberá uma carta dela ou algo do tipo. Muitas pessoas se sentem estacionadas ou aprisionadas pelas circunstâncias atuais na vida delas. Quaisquer que sejam as suas circunstâncias nesse momento, isso tudo é apenas a sua realidade atual. E a sua realidade começará a mudar como consequência de acessar e passar a usar o segredo.

Às vezes parece que você está estacionado e pensa nas mesmas coisas repetidas vezes. Assim você tende a obter sempre os mesmos resultados também repetidas vezes. A razão disso é que muitas pessoas oferecem a maior parte dos pensamentos delas como resposta ao que estão observando. Se você está olhando para “a situação”, então você está pensando sobre “a situação” e, quando se pensa sobre ela, a lei da atração lhe dá mais sobre isso.

Você deve encontrar uma forma de olhar para “a situação” de um ponto de vista vantajoso.

Muitas pessoas olham para a vida delas e dizem: “Isto é o que eu sou”. Isso não é o que você é! Isso é o que você era! Vamos dizer, por exemplo, que você não tenha muitos recursos financeiros ou que não tenha o relacionamento que você queria. Ou que você não vá obter a cura de sua enfermidade, ou que imagina não possuir fé suficiente. Isso não é o que você é, isso é o resíduo dos seus pensamentos e ações. Nós vivemos constantemente nesse resíduo como consequências das ações e pensamentos do passado. Quando você olha para a sua vida e se taxa dessa forma, você se condena a não ter nada mais do que isso no futuro. “Tudo o que nós somos é o resultado daquilo que nós pensamos no passado”.

O que você pode fazer nesse exato momento para começar a mudar a sua vida? Comece fazendo uma lista das coisas pelas quais você deve ser grato. Isso muda a sua energia e começa a mudar o seu modo de pensar. Antes desse exercício você estaria se focando no que não tem, nas suas reclamações, ou em qualquer que sejam os seus problemas. Quando você faz esse exercício, começa a se mover em uma direção diferente. Passa a se sentir grato por todas as coisas com relação às quais você se sente bem.

Sentimentos

Este é definitivamente o caminho para trazer mais para a sua vida. Todo homem sabe que, quando a sua mulher o admira pelas pequenas coisas que faz, ele quer fazer mais! É tudo por conta de gratidão. Gratidão atrai as coisas, atrai apoio.

Gratidão é o sentimento que precisamos ter. É levantar da cama todos os dias e dizer obrigado.

Assim que você passar a se sentir bem com o que você já tem, passará a atrair mais coisas boas, mais coisas pelas quais se sentir grato. Você pode olhar ao redor e dizer “eu não tenho o carro que quero”, “eu não tenho a casa...”, “eu não tenho a saúde...”, “eu não tenho o cônjuge que quero”. Opa! Para tudo! Essas são coisas que você não quer! Se foque nas coisas que você já tem e pelas quais é grato. Por exemplo, que você tem olhos para ler este relato ou as roupas que tem. Você pode até querer alguma outra coisa. E terá outras coisas muito em breve, desde que passe a ser grato pelo que já tem.

Mágica da vida

A única diferença entre as pessoas que vivem e as que vivem a mágica da vida é que as últimas se habituaram a essa vida, a esse processo. A mágica acontece para elas onde quer que vão. Elas se lembram do segredo e o usam o tempo todo, não apenas como um evento único.

Algumas pessoas se agarram por um tempo a tudo o que foi dito e falam: “Sabe de uma coisa? Estou muito empolgado com tudo isso! Agora eu vou mudar minha situação”.

Elas seguem os passos, mas os resultados não aparecem. O resultado está prestes a aparecer, mas elas olham e não veem nada e dizem: “Esse negócio não funciona!”. Então, o Universo responde: “O seu desejo é uma ordem” e... adeus, resultados!

Decida o que você quer, acredite que você pode ter. Acredite que você merece. Acredite que seja possível para você. E então feche os olhos, todos os dias, por vários minutos e visualize o que você quer, e sinta as emoções de já ter tal coisa. Depois se foque nas coisas pelas quais você já é grato e realmente desfrute desse momento. Então siga o seu dia, disperse isso para o Universo e confie nele. Acredite que ele saberá como manifestar essa coisa na sua vida.

É possível imaginar que muitas pessoas que estão lendo este texto estão pensando: “Como posso atrair mais dinheiro?” ou “Como posso ter mais riqueza e prosperidade?”. “Como eu posso, amando o meu trabalho, lidar com a dívida do cartão de crédito, devido ao limite que tem o meu salário?”. “Como eu posso atrair mais?”.

Pretensão!

Voltamos a um ponto pelo qual já passamos: o seu trabalho é decidir o que você gostaria de ter do catálogo do Universo! Se dinheiro é uma das coisas que você gostaria de ter, diga quanto você gostaria de ter! “Eu gostaria de ter 25 mil dólares, vindos de forma inesperada nos próximos trinta dias”. Não importa o valor e nem o prazo. Eles devem apenas ser críveis para você.

Muitas pessoas estabelecem como meta sair das dívidas. Isso o manterá endividado para sempre. O que quer que você esteja pensando a respeito você irá atrair. Você está pensando em sair das dívidas, mas não importa se está pensando em sair ou entrar em dívidas. Se você pensa em dívida é dívida que vai atrair.

Estabeleça um cronograma de pagamento de dívidas e passe a se focar apenas em prosperidade. Muitas pessoas dizem que gostariam de duplicar a renda no próximo ano. Mas quando você olha para as ações dessas pessoas, elas não fazem as coisas que podem levá-las a tal objetivo. Elas vivem pensando: “Puxa, não tenho condições de comprar isso ou aquilo”. Tudo bem. “O seu desejo é uma ordem!”.

Enquanto você está irritado por não ter dinheiro suficiente, por falar a um amigo sobre o fato de não tê-lo ou se sentir triste por isso, está ativando o sentimento proveniente do seu pensamento, que é muito diferente do desejo que você tem. Tudo se resume a isso: você não pode desejar ter mais dinheiro ao mesmo tempo em que se foca em não ter o suficiente.

Nós crescemos em uma mentalidade de que se precisa trabalhar duro para conseguir dinheiro. Então mudei isso para uma mentalidade de que o dinheiro vem frequentemente e facilmente. No começo, você sente que está mentindo para si mesmo. Parte do seu cérebro o chamará de mentiroso. Haverá uma disputa na sua mente por um tempo. No que diz respeito a criar riqueza, saiba que riqueza é parte de um jogo mental. É sobretudo como você pensa a respeito.

Todas as pessoas têm a capacidade de mudar o relacionamento delas com o dinheiro.

Muitas pessoas possuem uma renda enorme, mas não se dão bem nos relacionamentos. Isso não é riqueza, de maneira alguma. Se você buscar o dinheiro, pode ficar rico. Mas o dinheiro não garante que você terá riqueza. Dinheiro faz parte da riqueza, mas somente uma parte. Muitas pessoas se dizem espiritualizadas, mas passam a maior parte do tempo doentes e sem dinheiro. Isso também não é riqueza. A vida deve ser abundante em todas as áreas.

Muitas pessoas na cultura ocidental buscam o sucesso. Elas querem que o negócio delas prospere. Mas ter sucesso não garante, com certeza, o que elas e nós realmente queremos, que é a felicidade. E é daí que todas as outras coisas vêm. Você não deve buscar a riqueza e o sucesso para conseguir a felicidade, muito pelo contrário. Você deve buscar o senso de alegria interior, paz interior, de visão interior primeiro e, então, todas as coisas exteriores irão aparecer.

O segredo significa que nós somos criadores do Universo e que todo desejo do que você quer criar irá se manifestar na sua vida. O que é muito importante é o que você deseja, quais são os seus pensamentos e quais os seus sentimentos porque eles irão se manifestar.

Em um relacionamento é preciso entender primeiro quem está entrando nele. Não falo do seu parceiro ou sua parceira. Falo de você. Como você pode esperar que outros gostem da sua companhia se você mesmo não gosta dela? Aqui está uma questão muito importante para entender a lei da atração e como você atrai as coisas. Você trata a si mesmo como você gostaria que os outros lhe tratassem?

Você se torna a solução para si mesmo. Não pense que os outros lhe devem e precisam lhe dar mais. Ao invés disso, dê mais a si mesmo. Separe mais tempo para se dedicar a si próprio e levantar o seu ânimo. Só então você pode passar a se doar aos outros.

Nós entramos em muitos relacionamentos esperando que a outra pessoa nos mostre a nossa beleza. Isso não funciona, a menos que nós nos achemos bonitos. Em outras palavras: você é que tem de se apaixonar por si mesmo. Somente a partir daí que as outras pessoas passarão a se apaixonar por você.

Há algo de magnífico a seu respeito. Você passará a se amar. Não estou falando de arrogância, mas de um respeito saudável por você mesmo. E quando você ama a si mesmo você ama a outros.

Algumas vezes certas pessoas irão dizer: “Aquelas pessoas no trabalho são tão negativas!” ou “Meu marido é tão nervoso!” ou “Meus filhos me dão tanta preocupação!”. Você deve se focar na melhor parte de cada pessoa que lhe cerca. Faça até mesmo uma lista dos pontos positivos das pessoas com as quais você passa muito tempo. Pode até ser uma pessoa com a qual você já teve uma experiência ruim, um relacionamento ruim. Na privacidade da sua própria mente e com certo esforço você irá se focar nas coisas que mais gosta nessas pessoas e elas irão apresentar esses pontos positivos mais fortemente.

Mesmo que você não possa criar algo na realidade delas, quando elas estão num humor que não se encaixa com o seu, ou quando têm atitudes com você que não se encaixam com as atitudes que você tem com elas, haverá um desencontro. A lei da atração passará a não colocar vocês no mesmo lugar ao mesmo tempo. Se você conhecesse o seu potencial para se sentir bem, não pediria a ninguém para ser diferente para que você se sinta bem. Você se libertaria de toda essa necessidade de controlar o mundo, o seu parceiro (a) ou os seus filhos. Você é o único que cria a sua realidade, pois ninguém mais pode pensar por você. Ninguém pode. Apenas você. É importante reconhecer que o nosso corpo é o produto dos nossos pensamentos. Nós chegamos ao entendimento de que os pensamentos e emoções realmente determinam o funcionamento do nosso corpo.

Nós sabemos dos efeitos do placebo. Um placebo é algo que teoricamente não teria efeito algum no organismo, pois não possui medicamento verdadeiro na sua composição. Por exemplo, uma pílula feita apenas de açúcar. Você diz ao paciente para tomar e o que acontece é que o placebo tem os mesmos efeitos esperados do medicamento verdadeiro, às vezes até melhores. Descobriu-se, então, que a mente humana é o fator mais poderoso na arte da cura. Se alguém está doente e tem a possibilidade de explorar o potencial que tem na mente, deixando de tomar os medicamentos normais, provavelmente irá piorar ou até morrer. Eles estão acostumados a pensar que seguir a medicina convencional é a coisa mais sábia a fazer. Então não ousariam explorar o potencial da mente. Não estamos negando a medicina. Todas as formas de cura têm seu espaço.

Existe apenas um riacho de bem-estar que corre. É o riacho da energia positiva pura. E o Universo, tudo que nós conhecemos, está provido abundantemente com essa energia. Esse é um mundo que se baseia no bem-estar. E quando você permite que esse riacho corra em sua totalidade, você se sente muito bem. E quando não permite que ele corra, se sente mal. É o seu riacho de bem-estar ou bondade que você está permitindo ou negando. Nossas emoções magníficas nos informam como está o balanço entre “permissão” e “negação”.

Você sabe de pessoas que têm doenças terminais. Um corpo doente é um corpo que não está tranquilo. Existem milhares de diagnósticos e doenças diferentes, mas elas são apenas uma coisa: conexão fraca com essa energia. Todas resultam de uma só coisa: estresse. Quando há estresse suficiente na corrente, uma das conexões se rompe. 


Não perca, na nossa próxima edição, a terceira parte de "O Segredo". Para adquirir o livro, acesse www.ediouro.com.br

Compartilhe

Comentários

Nenhum comentario cadastrado

Escreva um novo comentário
Outras matérias desta edição